A Fundação da Escola de Minas: Prof. Gorceix e a Mineralogia

Inaugurada em 12 de outubro de 1876, a Escola de Minas de Ouro Preto teve como principal finalidade a formação de engenheiros aptos a trabalhar na exploração de minas. Em um cenário no qual visava uma modernização econômica, Dom Pedro II manteve o foco no reconhecimento e na exploração de riquezas minerais. Para isso, ele contratou Claude-Henri Gorceix para organizar o ensino de Mineralogia e Geologia no Brasil.

 

Fonte: Professor Gorceix. 

Claude-Henry Gorceix foi um mineralogista francês o qual frequentou a Escola Normal Superior de Paris, onde se tornou Bacharel em Ciências Físicas e Naturais. Durante sua graduação, atuou como assistente na área, o que o fez apaixonar pela geologia e mineralogia. Posteriormente tornou-se preparador de geologia, mineralogia e botânica na mesma Escola, em 1869 foi professor de Ciências na Escola Francesa de Atenas e, mais tarde, reassumiu o cargo de assistente de geologia da Escola Normal, na França.

Por indicação de Auguste Daubrée, geólogo francês, e a convite de Dom Pedro II, Gorceix vem ao Brasil em 1874 a fim de fundar uma escola de mineralogia, nomeada Escola de Minas, a qual não seria técnica a princípio, e sim focada em pesquisas na área de ciências físicas e naturais. Mas, Gorceix se deparou com o baixo nível de estudos científicos superiores no Brasil, o que mudou a perspectiva da Escola impulsionando então a formação de engenheiros de minas e metalúrgicos para o Brasil.

Ao chegar ao Brasil, partiu junto a Ladislau Netto, cientista e diretor do Museu Nacional, em uma excursão para mostrar a variada base mineira do Rio Grande do Sul. Desta forma, como um dos primeiros passos para construir uma proposta sólida de implantação, Gorceix dá início à busca de amostras geológicas do solo e minerais, o que proporcionou uma vasta coleção mineralógica que atuariam como material didático na futura escola. Nesse sentido, o projeto final da Escola de Minas previa a formação de geólogos e mineralogistas capazes de estudar o solo brasileiro a fim de aprimorar as explorações minerais e metalúrgicas no país.

A excursão de Gorceix não terminou no Rio Grande do Sul, visto que o próximo passo para a instalação da Escola seria encontrar um local adequado. Gorceix encontrou na Província de Minas Gerais, uma região rica em recursos minerais, principalmente minérios com alto teor de ferro, a região de Ouro Preto. Foi então que decidiu o lugar onde iria fundar a Escola de Minas, a qual foi descrita da seguinte forma:

"Em muito pequena extensão de terreno, pode-se acompanhar a série quase completa das rochas metamórficas que constituem grande parte do território brasileiro e todos os arredores da cidade se prestam a excursões mineralógicas proveitosas e interessantes". (Claude Henri Gorceix)

Inicialmente, a Escola se instalou no Palácio dos Governadores e as aulas ocorriam em tempo integral, inclusive aos sábados e domingos, com a finalidade de formar engenheiros em um curto tempo. Gorceix foi o primeiro diretor como também professor de mineralogia, geologia, física e química e contou com outros professores franceses para lecionar na Escola. 

Com a mudança da Escola para o Campus Universitário, em 1995, a antiga Escola se tornou um Museu de Ciência e Tecnologia da Escola de Minas e contribui com um dos maiores acervos mineral da América Latina. Sua coleção se iniciou com amostras trazidas por Gorceix do Laboratório de Mineralogia e Geologia, também fundado por ele no Rio de Janeiro, e posteriormente complementada com doações de ex-alunos e amigos.

Fonte: Fachada do Museu de Ciência e Técninca da Escola de Minas.

A Escola de Minas hoje faz parte da Universidade Federal de Ouro Preto e conta com nove departamentos de engenharia e um de arquitetura.


 

 

Referências bibliográficas:

HISTÓRIA da Escola de Minas. Escola de Minas. Disponível em <https://www.em.ufop.br/index.php/historia> Acesso em: 10 de agosto de 2020. 

CLAUDE-HENRI Gorceix. Fundação Gorceix. Disponível em <https://site.gorceixonline.com.br/claude-henri-gorceix> Acesso em: 10 de agosto de 2020. 

VASCONCELOS, Carolina Rodrigues; BARBOSA, Lucas César. Aconteceu Aqui…: Os métodos de ensino propostos por Claude-Henri Gorceix. Escola de Minas, 2019. Disponível em: <Aconteceu Aqui...: Os métodos de ensino propostos por Claude-Henri Gorceix> Acesso em: 10 de agosto de 2020. 

CARVALHO, JM. A escola de Minas de Ouro Preto: o peso da glória [online]. Rio de Janeiro: Centro Edelstein de Pesquisas Sociais, 2010, 196 p. Disponível em SciELO Books. Acesso em 11 de agosto. 

 

<embed>
Copy and paste this code to your website.